História do Seminário

O Seminário Diocesano Nossa Senhora das Dores, da Diocese da Campanha, é o lugar dedicado à formação humana, espiritual, acadêmica, comunitária e pastoral-missionária dos futuros padres. Ele se constitui de três comunidades articuladas entre si: a Comunidade Propedêutica São Pio X (COPROP), a Comunidade Filosófica São José (COFISJ) e a Comunidade Teológica Senhora do Carmo (COTESC). 

 

Fundado em 07 de fevereiro de 1910 por Dom João de Almeida Ferrão, o Seminário atente às vocações de todo o território diocesano com presteza e desvelo, preocupando-se constantemente com o bem-estar físico, psíquico e espiritual de seus alunos. Cada uma das comunidades formativas supramencionadas corresponde a uma etapa do itinerário vocacional dos jovens.

 

A Comunidade Propedêutica São Pio X foi fundada em 2004, durante o episcopado de Dom Diamantino Prata de Carvalho, e atente à necessidade contemporânea de um período formativo que, além de sanar as limitações acadêmicas de cada jovem seminarista, propicie aos alunos uma experiência comunitária, espiritual, missionária e intelectual.

 

A Comunidade Filosófica São José tem suas origens no Centro de Estudos Eclesiásticos fundado por Dom Othon Motta, em 1969, na cidade de Três Corações. Isso porque, até aquele momento, a formação filosófica dos seminaristas, mormente, acontecia no tradicional Seminário de Mariana. Porém, face às novas exigências provindas da realização do Concílio Vaticano II, Dom Othon viu a necessidade de uma instituição propriamente diocesana. Com a criação do Seminário Propedêutico e consequente suspensão das atividades do Seminário Menor, em 2001, sob o báculo de Dom Diamantino, uma reforma foi empreendida no atual prédio que sedia, hoje, na cidade da Campanha, a etapa filosófica da formação. Concluídos os trabalhos de reforma, em 2007, a Comunidade Filosófica São José passou a residir na Sé Diocesana.

 

Em 1997, com a criação do Instituto Interdiocesano de Teologia, atual Faculdade Católica de Pouso Alegre (FACAPA), a última etapa do processo formativo dos seminaristas, que já havia se dado em Mariana, Belo Horizonte, Juiz de Fora e Taubaté, passou a acontecer na cidade de Pouso Alegre. Destarte, entre 1999 e 2000, Dom Diamantino incentivou a construção do prédio que abriga, ainda hoje, naquela cidade, a Comunidade Teológica Nossa Senhora do Carmo.

 

Abençoado por Deus e pela gloriosa Virgem Maria, o Seminário Diocesano Nossa Senhora das Dores é o coração da Diocese da Campanha. Ele foi e ainda é responsável pela formação de grandes e veneráveis bispos, padres, diáconos e também de importantes políticos, magistrados e pais de família de honrosa estirpe. Por esse motivo, com os pés fixos no chão desta seara, mas com os olhos e os corações voltados para o alto, imploramos ao Senhor da Messe e Pastor Bondoso que continue suscitando santas vocações para o serviço da Igreja de Cristo presente na Diocese da Campanha.

WhatsApp Image 2020-11-06 at 11.46.27.jp
Seminario.jpg